Because of you…

Me perdi. Tenho medo. Não me arrisco. Me sinto des-importante e descartável.

Acho difícil confiar em mim. Acho impossível confiar nos outros.

Não deixo ninguém se aproximar o suficiente pra me magoar.

Não acredito em boas intenções. Não me abro.

Não me permito sentir. Só decido pela segurança para não me machucar. Não me sinto boa o suficiente pra ninguém.

Julgo minhas próprias atitudes. Pela primeira vez na vida, me arrependo. Sinto vergonha.

Perdi a doçura. Não quero dar o meu melhor para ninguém. Acho tudo superficial e vulgar.

Não tenho mais certezas. Não sei quem eu sou.

Me apego ao passado. Sinto rancor e vazio. Finjo sorrisos.

Choro quando não quero. Perco o sono. Me perco no tempo. Perco a noção.

Não sinto vontade de começar de novo. Não acredito em sonhos. Sinto raiva.

Odeio o mundo. Odeio ter acreditado.

Odeio você por me fazer odiar o mundo e as coisas que, um dia, eu amei.

Não sou mais a mesma. Conheci o significado real da palavra decepção.

Jamais voltarei a cometer os mesmos erros.

E assim é a vida. Algumas pessoas entram nela apenas para nos modificar profundamente e, depois, nunca mais participar dela. E é melhor que seja assim.

One Comment to “Because of you…”

  1. Este tipo de sensação é horrível. Não tem nem como querer relativizar ou amenizar.
    Jamais cometer os mesmos erros? Talvez sim, talvez não. Circunstâncias diferentes podem afetar nosso julgamento. E, no fundo, sempre acabamos sendo meio bobos.
    Não que saber disto melhore alguma coisa…

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: